Fale com o governo

Memorial dos Povos Indígenas

Idealizado por Darcy Ribeiro e projetado por Oscar Niemeyer. Edificação em espiral que remete à maloca dos índios Yanomami; o espaço foi construído em 1987, tem área de 2.984,08 m², com 70m de diâmetro e um amplo pátio interno, onde são realizadas apresentações e outras manifestações da cultura indígena.

O Memorial recebe uma média de 2.500 visitantes por mês, e tem por objetivo mostrar a diversidade e riqueza da cultura indígena, de forma dinâmica e viva. Com esse propósito, promove eventos com a presença e a participação de representantes indígenas de diferentes regiões do país.

Acessibilidade: apenas rampa de acesso

Atendimento: de sexta-feira a domingo, de 9h às 15h.

Telecentro: de terça a sexta-feira, das 9h30 às 17h. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h.

Entrada franca

Lotação do salão: 20 pessoas (completada lotação será formada fila de espera)

Protocolos: obrigatório uso de máscara, medição de temperatura, higienização de álcool gel e uso de propé em salão acarpetado.

Agendamento especial: mpi@cultura.df.gov.br

Endereço: Eixo Monumental Oeste, Praça do Buriti (em frente ao Memorial JK)

Entrada franca.

 

Mapa do Site Dúvidas frequentes